A coluna da semana


[A Babel de hoje contou com uma bela ajuda do Bira, lá de Frankfurt. Publicada no Sabático de 9/10]

BABEL

Raquel Cozer, raquel.cozer@grupoestado.com.br – O Estado de S.Paulo

FEIRA
Editores querem preparar Frankfurt 2013 na Flip
Editores brasileiros pretendem consultar a organização da Flip para, já na próxima edição, acrescentar um dia na programação oficial – com o intuito de aprimorar a preparação do Brasil na organização do pavilhão e da programação como homenageado na Feira de Frankfurt de 2013. Pode não ser proposta simples, já que a festa de Paraty é evento literário, e não de mercado, mas, se for aceita, serão promovidos encontros de editores alemães com colegas brasileiros para a apresentação de escritores nacionais cujas obras poderiam ser traduzidas. “Não adianta fechar alguns acordos sem criar relação duradoura”, disse, no evento alemão, a agente literária Lúcia Riff, que conversou com editores da Zahar e da Cosac Naify, entre outros. Também está nos planos auxiliar o Ministério da Cultura e entidades editoriais a definir quais escritores visitarão a Alemanha até 2013. A intenção é evitar mal-entendidos como o deste ano, quando, num grupo de 60 autores argentinos pré-selecionados, ficaram de fora nomes de peso como Beatriz Sarlo.

DIGITAL 1
Contrato do futuro
Em 2011, quase todos os contratos de direitos autorais terão cláusulas sobre formatos digitais. A expectativa de editores e agentes, que participaram de seminário em Frankfurt, é que até 2012 todo o mercado siga as novas regras, que implicam 25% da venda líquida da obra revertida ao autor. “Esperamos que, depois, quando os custos de adaptação a novas ferramentas não forem mais tão altos para as editoras, a cifra chegue a 50%”, disse a agente Lúcia Riff.

DIGITAL 2
Modelo japonês
No seminário, editores ficaram aliviados quando americanos e japoneses revelaram que muitos usuários de e-books não compravam antes a versão em papel, o que significa a criação de um novo mercado.

CAIXA
Resgate poético
A AnnaBlume e o selo Demônio Negro pretendem recuperar um tesouro: em dezembro, lançam uma caixa com o famoso Poemobiles, livro-poema que Augusto de Campos e Julio Plaza lançaram em 1974 e que teve só uma reedição, em 1985. Trata-se de obra cujas páginas, depois de manipuladas pelo leitor, tornam-se objetos, reforçando a condição do livro como obra de arte.

TRADUÇÃO
Meninos na Noruega
Com 77 mil cópias vendidas desde 2006, Falcão, Os Meninos do Tráfico (Objetiva), de Celso Athayde e MV Bill, acaba de chegar ao mercado norueguês. A obra, que relata os bastidores do documentário homônimo, sai pela Livro em edição de capa dura (imagem).

ARTES
Ensaio sobre Warhol
Recém-lançado nos EUA, Andy Warhol, de Arthur C. Danto, teve os direitos comprados pela Cosac Naify. Na obra, o celebrado crítico de arte (ex-The Nation) e professor da Columbia tenta explicar por que, em obras como as Brillo Boxes, vemos arte em objetos iguais a outros que não são arte.

ESCOLAR
Desacordo ortográfico
Os livros de Ariano Suassuna correm o risco de não mais serem adotados pelas escolas brasileiras. É que o escritor se nega a permitir que seu texto seja atualizado pela nova ortografia, alteração agora exigida pelo Ministério da Educação ao comprar livros que serão enviados às bibliotecas.

ESTREIA
Romance de roteirista
Bráulio Mantovani, roteirista de Cidade de Deus, Tropa de Elite e VIP”s – filme vencedor do Festival do Rio 2010 -, fechou contrato com a LeYa para seu primeiro romance. A obra se chamará Perácio, Relatos Psicóticos.

GASTRONOMIA
Mesa disputada
Blood, Bones and Butter, memórias que a chef americana Gabrielle Hamilton lança em março, já tem editora brasileira, a Rocco. O livro da dona do cultuado restaurante Prune, em Nova York, já foi lido por Anthony Bourdain, que afirmou que Gabrielle reúne em uma página mais força do que ele conseguiu na carreira inteira. Já o chef Mario Batali resumiu: “(Depois de ler) tentarei emprego como lavador de pratos no Prune para aprender com minha nova rainha.”

Colaborou Ubiratan Brasil, de Frankfurt

Anúncios

3 Respostas

  1. parabens tenho acompanhado tuas materias

  2. Olá, Raquel,

    também sou da área. Gosto dos seus trabalhos, seu blog é bem fundamentado.

    Não vi você abordar o Mario Vargas Llosa, o Nobel 2010. O que você acha dos

    trabalhos dele? Para você, foi justa a homenagem prestada a ele?

    Obrigado. Meus parabéns. Bom trabalho.

    • Oi, João. Estava enrolado por aqueles dias e depois acabei achando o assunto velho. Mas tô pensando em postar por aqui umas fotos da cidade de Arequipa (onde ele nasceu) e do bairro de Miraflores, em Lima (onde ele foi criado), para falar um pouco das impressões que tive ao ler livros dele durante viagem ao Peru… Mas, enquanto isso, respondendo: gosto muito do trabalho dele, acho que não tem como não gostar, mas não é dos meus autores preferidos. Marcelo, obrigada, beijo. Raquel

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: